Seja bem vindo ao nosso site RÁDIO PETROLINA FM 98,3, petrolinafm.com!

Buscar  
Hora Certa

Redes Sociais
+ Acessadas
Mulher é agredida com socos pelo companheiro no Dom Avelar em Petrolina
Minha Casa Minha Vida terá mudanças
Irmã de vice-prefeito de Bodocó (PE) presa por racismo é nomeada secretária de Igualdade Racial em Pernambuco
Locutores
Isnaldo Nogueira
Iranildo Figueiredo
Ivo da Hora
Sidiney (Cebolinha)
Edenevaldo Alves
Cesar do Lau
CALIAN LIMA
Enquete

Na sua opinião, o Hospital Universitário deve servir só a Petrolina?

Não

Sim


Equipe
Janko Moura
Isnaldo Nogueira - Apresentador Forró, Verso e Viola
Leche Silva - Estagiária do Programa Viva Bem
Ivo da Hora - Apresentador do Programa Rota 98
Iranildo Figueiredo - Apresentador do Programa Vaquejada e Forró
Lara Cavalcanti - Apresentadora e CEO do Programa Viva Bem
Sidney (Cebolinha) - Apresentador do Programa Sabado Show
Lelson Santos - Apresentador do Programa Resenhando
Calian Lima - Sonoplasta e Programador
Cesar do Lau - Apresentador do Forró Poesia e Noticias
Videos
12/03/18Gusttavo Lima - Apelido Carinhoso
Publicidade Lateral
Banner Lateral 03
Banner Lateral 02
Top Música
1
Desejo De MeninaMinha Princesa
2
Ivete e CrioloLábios De Mel
3
Wesley SafadãoNão Conto
4
Gustavo LimaMilu
5
ZE VAQUEIRODECIDA
6
TIERRY FEAT GUSTAVO LIMAACERTOU NA MOSCA
7
DANIELCASAVA DE NOVO
8
DIEGO E VITCTOR HUGO FEAT SAIA RODADAPISADINHA
9
MAIARA E MARAÍSAAÍ EU BEBO
Bate Papo

Digite seu NOME:

Estatísticas

Visitas: 3597464

Usuários Online: 1

Polí­tica

Marina diz que não solicitará reforço na segurança após atentado contra Bolsonaro por Edenevaldo Alves

Publicada em 10/09/18 às 08:17h - 488 visualizações RÁDIO PETROLINA FM 98,3,

Link da Notícia:
Compartilhe
   

Marina diz que não solicitará reforço na segurança após atentado contra Bolsonaro por Edenevaldo Alves
 (Foto: RÁDIO PETROLINA FM 98,3,)

A candidata da Rede à Presidência, Marina Silva, disse neste sábado (8) que não pediu reforço de segurança à Polícia Federal (PF) após o atentado contra o presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro. Líder nas pesquisas eleitorais, Bolsonaro levou uma facada na última quinta (6) em um ato de campanha em Juiz de Fora, na zona da mata de Minas de Gerais.

Em sua primeira agenda de campanha após o ataque contra o candidato do PSL, Marina afirmou que o atentado foi um ?inaceitável ato de violência?.

?Não pedi reforço. Nós vamos continuar fazendo a nossa campanha, defendendo propostas, dialogando com a população, reafirmando os compromissos que temos desde 2014 de fazer uma campanha sem violência, sem mentiras, sem desconstrução?, informou Marina a jornalistas ao ser questionada sobre se havia pedido reforço de segurança à PF.

A presidenciável da Rede fez uma caminhada com apoiadores de sua campanha na tarde deste sábado pela Rua 25 de Março, no centro de São Paulo, um dos principais pontos de comércio popular da capital paulista. A candidata também entrou no Mercado Municipal, onde conversou e cumprimentou vendedores de frutas.

?Nós, eu e Eduardo Jorge, temos pautado a nossa campanha por uma campanha de luta e de paz. E nós queremos contribuir, cada vez mais, para que brasileiros e brasileiras se unam a favor do Brasil?, complementou Marina.

?O que vai nos defender contra a violência não é uma arma na nossa mão. O que vai nos proteger contra a violência é amor e respeito dentro do nosso coração?, enfatizou.

Terceira colocada nas duas últimas eleições presidenciais, Marina Silva disse neste sábado que, na visão dela, a disputa pelo Palácio do Planalto, em 2014, foi marcada pela ?violência política?. Neste ano, ressaltou a ex-senadora, a marca é a ?violência física?.

Ela usou como exemplos da violência física na política brasileira em 2018, além do ataque contra Bolsonaro, o episódio do assassinato da vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes e o atentado a tiro contra a caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Paraná.

?Eu fico pensando: se Deus o livre aquela pessoa tivesse uma arma de fogo na mão, o que poderia ter acontecido??, ponderou a candidata da Rede em referência ao agressor de Bolsonaro, Adélio Bispo de Oliveira, 40 anos, que usou uma faca para atacar o presidenciável do PSL em Juiz de Fora.




ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Parceiros
AV. Francisco Coelho de Amorim , Nº 45, BAIRRO: José e Maria, CEP 56320-440 - PETROLINA/PE FONES: (87) - 3867.1049 - (87) - 3861.5555 - (87) 8802.1892 EMAIL: radiopetrolinafm@hotmail.com ou petrolinafmcomercial@hotmail.com - por Site Gerenciavel
Copyright (c) 2024 - RÁDIO PETROLINA FM 98,3, - Todos os direitos reservados
site, tv, videos, video, radio online, radio, radio ao vivo, internet radio, webradio, online radio, ao vivo, musica, shows, top 10, music, entretenimento, lazer, áudio, rádio, música, promocoes, canais, noticias, Streaming, Enquetes, Noticias,mp3,Blog, Eventos, Propaganda, Anuncie, Computador, Diversão e Arte, Internet, Jogos, Rádios e TVs, Tempo e Trânsito, �ltimas Notícias, informação, notícia, cultura, entretenimento, lazer, opinião, análise, jogos, Bandas, Banda, Novos Talentos, televisão, arte, som, áudio, rádio, Música, música, Rádio E TV, Propaganda, Entretenimento, Webradio, CD